STF: Norma coletiva pode restringir direito, mas deve observar garantias constitucionais