Construtoras são condenadas por contratar prestadoras com capital social inferior ao exigido em lei