Mudança de entendimento da 1ª Turma Superior do CARF representa validade da aplicação concomitante de multas