Juiz reforça que benefício fiscal não é lucro, mas que se trata de receita pública renunciada